Para fortalecer a marca do seu empreendimento, seja uma loja ou academia, você deve ter recorrido à comunicação visual. Encomendou a elaboração de um novo design para marca, trocou as embalagens dos produtos ou mudou as cores da loja. Isso tudo é de fato fundamental, mas já pensou em dar um up no seu negócio a partir da curadoria de música?

Essa nova tendência é advinda do marketing sensorial, o qual já deixou bem claro que música é comunicação, pois ela ajuda a passar uma mensagem. A curadoria trabalha justamente para reunir os melhores sons para que o cliente perceba a mensagem que a empresa quer passar.

Quer saber mais sobre o assunto? Acompanhe este texto e conheça como funciona a curadoria de música e de que maneira ela pode ajudar na identidade da marca e aproximar o público-alvo. Também descubra como contratar uma empresa que oferece esse serviço de forma correta. Confira!

Como funciona o serviço de curadoria musical?

Há um tempo atrás, na era do LP, encontrar uma música era mais fácil. Bastava procurar por uma loja de discos e perguntar ao vendedor sobre o gênero ou o artista de que você precisava. Além disso, a quantidade de títulos era muito menor, pois gravar um disco era empreitada para grandes gravadoras.

Mas hoje em dia esse processo ficou mais difícil, já que a possibilidade de produzir música ficou diversificada, por exemplo, por diversos tipos de plataformas. É dentro desse contexto que entra a curadoria de música.

Essa tarefa se resume em procurar e encontrar a música e os artistas certos, que estejam associados com uma marca. Também são considerados valores de responsabilidade social na hora de gerir as playlists, por exemplo, excluindo músicas com conteúdos machistas e sexistas.

De que maneira a curadoria pode ajudar na identidade da marca?

Quando se pensa em identidade de uma marca é comum associar apenas à identidade visual. Imagens, cores e design são elementos considerados para destacar a marca diante do mercado. Mas há também o aspecto da identidade sonora. Essa característica diz respeito ao efeito que o som pode trazer no marketing da loja e, consequentemente, na decisão de compra do consumidor.

Nesse sentido, a curadoria de música é fundamental para a construção da identidade sonora, pois ela vai conseguir reunir todos os sons que vão trazer percepção sensorial à marca. Portanto, uma curadoria bem-feita certamente garante o fortalecimento da identidade de uma marca como um todo.

Qual a relação entre curadoria e aproximação com público?

Assim como deve-se definir um estilo de roupa para determinada faixa etária, deve-se escolher um tipo de música que agrade a determinado público-alvo. Sons que condizem melhor ao estilo de vida que o cliente procura.

A consequência disso é a aproximação da marca com o público. Por exemplo, vamos supor que a sua empresa é uma academia de ginástica. Em vez de apostar em música clássica, a curadoria deve investir em música eletrônica e pop.

Como contratar uma boa curadoria de música?

Muitos fatores podem ser decisivos na hora de contratar uma curadoria. Um deles é ter vasta experiência na área. É preciso que a equipe envolvida conheça não apenas artistas famosos, mas também nomes independentes do cenário musical.

Também é desejável que a empresa responsável pela curadoria saiba realizar um bom planejamento. É importante que haja disponibilidade e interesse em conversar com a equipe de marketing que procura pelo serviço para entender qual o perfil do público da marca. Isso pode ser feito com um breve briefing ou questionário on-line.

Essas foram algumas informações sobre curadoria de música. Outra dica importante na hora de procurar esse serviço é buscar por um plano conforme a sua necessidade. Fuja das empresas que apresentam soluções genéricas. É preciso que a curadoria ofereça o plano mais adequado ao seu tipo de negócio.

E aí, ficou interessado em contratar um serviço de curadoria musical? Então entre em contato com a RadioSparx. Somos uma empresa de licenciamento, music branding e tecnologia!