Você já ouviu falar em marketing experiencial? Essa ideia gira em torno de usar as emoções e sensações das pessoas para cativá-las e atraí-las para a sua empresa e seus produtos. É uma forma de contar com um diferencial que vai além de questões como preço, embalagem e variedade de produtos oferecidos.

Para aproveitar os benefícios do marketing experiencial, primeiramente você precisa desenvolver uma estratégia voltada para ele. Isso requer um entendimento aprofundado sobre o perfil do seu público e também o domínio de algumas ferramentas importantes.

Quer saber mais? Confira o restante do artigo para entender como trabalhar essa ideia e os seus principais benefícios.

Como implantar o marketing experiencial no dia a dia?

O processo de implementação do marketing sensorial na rotina da sua empresa será bem simples. Primeiro, você precisa conhecer o seu público, o estilo dele e o que precisa. Depois, basta seguir três pontos que abordamos logo abaixo.

Valorize o positivo

Ao planejar a sua estratégia de marketing experiencial, um passo bastante importante envolve analisar todos os contatos possíveis que os seus clientes têm com a sua empresa. Em seguida, concentre-se em eliminar as interações negativas e aumentar a intensidade das positivas. Considere o perfil dessas pessoas e como conquistá-las e fidelizá-las.

Explore todo tipo de experiência

O termo “experiência” é bastante amplo, servindo de indicativo de como o marketing de experiência tem uma gama bastante vasta de potencial para você explorar. Ao pensar em momentos marcantes para o seu cliente, vale a pena considerar todas as possibilidades. Por exemplo, por que não valorizar os sentidos das pessoas com um ambiente aromatizado e trilha sonora?

Ouça o seu público

Muito do marketing experiencial depende das expectativas dos seus clientes. Se você não tem o hábito de colher feedbacks dessas pessoas e trabalhar a partir deles, será bastante difícil atuar com boas experiências. Portanto, coloque esta tarefa em sua lista de prioridades: busque as opiniões das pessoas que têm contato com o seu negócio e procure encontrar padrões que gerem ações efetivas.

Por que é importante trabalhar com marketing experiencial?

As pessoas, atualmente, procuram mais do que apenas produtos e serviços. Elas desejam serem bem atendidas, terem momentos prazerosos, construir relações afetivas e provar sensações cativantes. Assim, é preciso buscar formas de se destacar e criar um ambiente acolhedor.

Diferencial competitivo

Os seus concorrentes provavelmente estão sempre em busca de novas formas de ultrapassar você e permanecer nessa posição de vantagem. A sua marca também precisa se movimentar para não ficar para trás. Trabalhar com marketing experiencial permite conquistar mais vantagem competitiva em seu segmento, pois é uma via de atuação que nem todas as empresas buscam, ou seja, um diferencial bastante atrativo.

Aumento nas vendas

Pessoas que se sentem mais confortáveis e passam boas experiências em um ambiente tendem a permanecer mais tempo no local  e comprar outras vezes nele. Isso é bastante valioso para qualquer empresa e, provavelmente, se aplica a sua também. Ao trabalhar com marketing experiencial, uma das principais vantagens é poder vender mais. É um recurso poderoso que causa um impacto positivo nas pessoas e nos seus resultados.

Fidelização dos clientes

Quem tem uma experiência memorável com uma empresa tem mais chances de preferir mais interações com ela. Em um segmento competitivo, você precisa estar sempre em busca de novas formas de fidelizar a sua audiência. Entregar sensações únicas e marcantes aos seus clientes é uma ótima forma de contribuir para isso. Tendo esse objetivo em mente, faz sentido concentrar os seus esforços nessa estratégia.

O que achou das possibilidades do marketing experiencial? Agora é a sua vez de planejar e executar a sua abordagem seguindo essa tendência para aproveitar os benefícios dela. Com isso, você ganhará um diferencial competitivo no mercado e atrairá novos clientes, assim como fidelizará os demais.

Restou alguma dúvida sobre o marketing de experiência? Então, deixe a sua pergunta nos comentários.